somente de certa maneira

Segredo é um beijo do beijo do beijo do outro beijo que se beija mesmo não sendo beijo, pois percebe-se beijos dos beijos dos outros beijos que se beijam mesmo não sendo mais beijos, pois se percebem abraços dos abraços dos outros abraços que se abraçam mesmo não sendo mais abraços, pois se percebem deuses e demônios dos deuses e demônios dos outros deuses e demônios que se endeusam e se endemoniam mesmo não sendo deuses e demônios, pois percebem-se  gemidos e sussurros dos gemidos e sussurros dos outros gemidos e sussurros que sussurram e gemem mesmo não sendo mais sussurros e gemidos, pois se percebem palavras de palavras de outras palavras que são palavras em si mesmo não sendo palavras, pois percebe-se um passado do passado de outro passado que se passa mesmo não  sendo mais passado, pois percebe-se como ilusão da ilusão da outra ilusão que se ilude, mesmo não sendo ilusão, pois se percebe um fim do fim do outro fim que se finda mesmo não sendo mais fim, pois se percebe que  apenas… percebe-se.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: